Blog Home Baby Assessoria

Confira matérias e dicas no nosso blog :)
Categorias
Sem categoria

Chegou em casa com o bebê? Saiba quais são os primeiros cuidados

Boa parte dos pais de primeira viagem tem muitas dúvidas sobre a volta para a assa, após o nascimento do bebê. Os primeiros dias são repletos de transformações, dúvidas e aprendizado. Conheça os primeiros cuidados ao chegar em casa com o bebê. É importante entender que essas dicas são flexíveis e devem ser adaptadas para cada família.

Primeiros cuidados ao chegar em casa com o bebê

As primeiras semanas em casa com o bebê são desafiadoras. Muitas mães se sentem exaustas ao estarem cuidando do bebê por 24 horas diariamente. Muitos bebês espirram e soluçam bastante. Isso é comum e não demanda cuidados exagerados. Além disso ronco nasal e congestão também são normais.

É importante ter um cesto à vista com os seguintes materiais: escova de cabelo, algodão, creme para assaduras, cotonetes, tesoura de unhas, sabonete neutro e álcool (70%).

Quarto do bebê

A limpeza do quarto do bebê exige cuidados especiais. Evite em excesso bichinhos de pelúcia, carpetes e cortinas, eles acumulam muito pó e podem causar alergia. Pr

Não use travesseiros primeiros meses. Para o colchão do berço, é recomendável que ele seja revestido de material plástico e limpo com frequência. O cesto com todo material de higiene do bebê, deve ficar num único lugar, de preferência, uma cômoda, ao lado do berço.

Curativo do umbigo

Em casa com o bebê, o curativo do umbigo precisa ser feito 3 vezes ao dia, usando álcool 70%. É importante elevar o coto de forma suave, para que o curativo atinja a região onde o cordão está inserido na base.

Com os dias, o coto vai ficar escuro, duro e seco. Grande parte dele cai até 15 dias após o nascimento.

Mantenham a região sempre seca, mas sangramento ou secreção são normais. Por isso, é importante evitar o atrito com as roupas.

Choro do bebê

O choro é uma forma que o bebê tem para se comunicar e transmitir alguma mensagem. Ele pode chorar por fome, frio, cólicas, calor, sono, fralda suja e dor. Com os dias, a mamãe começa a identificar qual é o tipo de choro.

Roupas do bebê

É importante que todas as roupas tenham sido lavadas antes do parto e arrumá-las no quarto do bebê. Ao chegar em casa com o bebê, não sufoque seu filho com roupas em excesso, ou apertadas.

Na lavagem, use sabão neutro de coco e lave de forma separada toalhas, roupas de berço, babadouro, fraldas e roupinhas. Não se aconselha o uso de amaciante.

Higiene do bebê

As primeiras fezes do bebê são sem cheiro, consistentes, pastosas e de cor verde-musgo. Elas são chamadas de mecônio. Com o passar dos dias, elas ficaram mais claras, líquidas e frequentes.

Há uma enorme variedade de fraldas descartáveis no mercado. O importante é escolher a melhor que se adapta ao bebê. Ao trocar seu bebê, é importante limpar a região genital, principalmente nas meninas.

Banho do bebê

O banho precisa ser dado diariamente. Nele, é preciso ter cuidado com os ouvidos, e olhos. Use algodão embebida em água para limpar essas regiões.

Na face, só use água. Nos cabelos, pode utilizar uma escova macia para estimular o couro cabeludo. Utilize sabonete neutro e comece o banho da cabeça até os pés.

O banho precisa ser um momento relaxante e calmo, por isso, procure deixar a temperatura da água similar ao corpo do seu bebê.

Somente com a indicação do pediatra, use cremes, talcos e colônias.

10 dicas de cuidados ao chegar em casa com o bebê

  1. Se tiver dificuldade em amamentar, peça ajuda;
  2. Desenvolva naturalmente o relacionamento com seu bebê;
  3. Crie uma lista de apoio com farmácia, mercado, contatos emergenciais;
  4. Durma sempre que puder;
  5. Deixe seu bebê perto de você nos primeiros 60 dias;
  6. Permita que o papai participe de todas as atividades;
  7. Se recupere fisicamente;
  8. Mantenham um estoque na geladeira e dispensa;
  9. Tenha uma equipe de apoio;
  10. Não se estresse se ficar triste e chorosa nos primeiros quatros dias após o nascimento. Seu corpo está se acostumando com a queda dos níveis de progesterona.

Ao chegar em casa com o bebê, é importante observar qualquer tipo de alteração em você e no seu filho. Se persistir sua tristeza, é preciso procurar um médico para evitar a depressão pós-parto. Se o seu filho chora sem parar, também é o momento de voltar ao hospital. Quer saber mais? Fale conosco.

Por Debora Criativando
Baixe nosso e-book

Cadastre-se e receba novidades

    Falar agora.
    Chamar no Whatsapp!
    Olá! Tudo bem?
    Está precisando de ajuda?